TRANSPORTE URBANO TEM DIFICULDADE COM FALTA DE MOEDAS PARA TROCO


A falta de moedas, situação que é geral na cidade, tem gerado dificuldades também no transporte coletivo urbano de Chapecó. Em função disso, a empresa concessionária Auto Viação Chapecó está solicitando aos usuários para que, na medida do possível, levem para o ônibus o valor exato da passagem, que é de R$ 3,60.


Mesmo que a empresa tenha buscado disponibilizar cédulas e moedas para o troco nos ônibus, o valor quebrado da tarifa exige troco em moedas ou cédulas. Para minimizar o problema, a Auto Viação tem buscado moedas e cédulas em valor menor em bancos e estabelecimentos comerciais.


Uma das soluções para a questão está na confecção de cartão para utilizar no transporte coletivo. O cartão do cidadão, que não tem custos, deve ser solicitado na central de atendimento da Auto Viação, localizada no terminal urbano, onde também pode ser feita a recarga. A carteira de identidade e o CPF são os documentos necessários para a emissão.


Além da falta de moedas, outra situação enfrentada nos ônibus é a utilização de cédulas de alto valor para o pagamento. Seguidamente são apresentadas cédulas de R$ 50,00 ou até de R$ 100,00 para pagar a passagem de R$ 3,60, o que aumenta o transtorno. Assim, em função da própria agilidade no transporte coletivo, a Auto Viação reforça o apelo para que os usuários procurem ter o valor da passagem trocado ou utilizem o cartão.


EXTRA COMUNICA – Hugo Paulo Gandolfi de Oliveira-Jornalista/MTE4296RS – 10/02/2022

175 visualizações0 comentário